TELEFONE E WHATSAPP 9 8266 8541 | Quem Somos | Anuncie Já | Fale Conosco              
sitedagranja
| Newsletter

ASSINE NOSSA
NEWSLETTER

Receba nosso informativo semanal


Aceito os termos do site.


| Anuncie | Notificações
TENHA NOSSAS NOTÍCIAS DIRETO NO WHATSAPP, CLIQUE AQUI.
Voltar

15/11/2021

Advogados de Cotia vão às urnas no próximo dia 25. Saiba quem são eles


No próximo dia 25, a advocacia paulista vai às urnas para eleger as diretorias seccionais e conselheiros estaduais e federais, além de diretores da Caixa da Assistência dos Advogados e Advogadas. Em Cotia, 1.143 advogados participam do pleito que pela primeira vez tem mais de duas chapas concorrendo. E também pela primeira vez a atual presidência, no caso a presidente Mariana Arteiro, não concorrerá à reeleição, conforme antecipamos. 

São três chapas. A primeira liderada pelo advogado Ricardo Rodrigues, que é apoiado pela atual e pelo ex-presidente Tuca Miramontes. Ele tem 42 anos e há 16 exerce a profissão. Atua na área de Direito da Família e Sucessões, Direito Imobiliário, Contratos, Direito do Consumidor e Advocacia Extrajudicial. É pós-graduado em Direito Civil e em Direito Processual Civil. 

Na chapa 2 está Ricardo Monteiro, 40 anos, especialista em Direito Empresarial pela Escola Paulista da Magistratura do Tribunal de Justiça de São Paulo, formado em Contratos pela PUC-SP e em Recuperação de Empresas e Falência pela FGV Direito SP. Atua como palestrante da OAB/SP, com passagens pelo SECOVI e CRECI. Monteiro foi candidato na eleição passada e tem apoio de figuras tradicionais da OAB da cidade como o advogado Augusto Gonçalves e Francisco Festa. 

E por fim, na chapa 3 está o mais jovem, Jorge Faria, 32 anos, exerce a profissão há 9 anos e é especialista em direito do trabalho e direito previdenciário. Na sua base de apoio está o jovem advogado e radialista Marcel Muscat, além de Francisco Machado e nomes ligadas à política da cidade. 

Ao longo desta semana iremos conhecer um pouco sobre como pensam os três candidatos. Mas por que a eleição da OAB é importante para a população em geral, uma vez que apenas os advogados vão às urnas? 

Porque a OAB, muito mais que atender a população no serviço de assistência judiciária gratuita e defender as prerrogativas dos advogados e advogadas, tornou-se historicamente uma instituição importante também para a defesa dos direitos dos cidadãos e da democracia, quando se posiciona a favor  das minorias e no cumprimento da Leis que afetam direta ou indiretamente o dia a dia dos cidadãos.  E por isso a importância de se ter um presidente alinhado com essas e outras causas. 

Conheça melhor os advogados: 

- “Estou pronto para servir a classe e a sociedade”, diz Ricardo Rodrigues

- Ricardo Monteiro quer criar comitê de imprensa na Casa do Advogado

- Quero ser presidente para tornar nossa instituição mais democrática”


 

Pesquisar




X









































© SITE DA GRANJA. TELEFONE E WHATSAPP 9 8266 8541 INFO@GRANJAVIANA.COM.BR